Clique aqui e confira o programa de bolsas da ESPM

Seja bem-vindo
ao Manual
do Candidato

Aqui você poderá obter todas as informações importantes para seu vestibular.

Vestibular Tradicional

Prova

Data e horário da prova: 19 de novembro de 2017, das 10h às 15h.

Os portões dos locais onde serão realizadas as provas serão abertos às 9h e fechados, pontualmente, às 9h45. O candidato deve chegar ao local com 1 (uma) hora de antecedência. Não será permitida, em hipótese alguma, a entrada de candidatos após o fechamento dos portões. Em todos os locais, a prova terá início às 10h (horário oficial de Brasília).

No dia da prova, todos os candidatos deverão trazer:

  • documento de identidade oficial e original (não será aceita cópia autenticada, em hipótese alguma);
  • comprovante de recolhimento da taxa de inscrição;
  • caneta esferográfica preta ou azul-escura.

Não será permitida a entrada de candidato portando comunicadores eletrônicos de qualquer espécie.

Não será permitido o uso de bonés e celulares durante a realização da prova.

A prova terá duração máxima de 5 (cinco) horas.

A folha de resposta é personalizada e não poderá conter rasuras.

O candidato só poderá deixar o prédio após 2 (duas) horas de prova, contadas a partir do início da aplicação. O rascunho do seu próprio gabarito poderá ser levado somente depois das 13h .

O caderno de questões será divulgado na internet posteriormente.

O rascunho da redação e o caderno de questões não poderão ser levados pelo candidato em momento algum.

Não haverá revisão de provas nem discussão dos critérios de correção em nenhuma hipótese.

Atenção: nem todas as provas serão realizadas em um mesmo prédio, pois há mais de um local da prova. Portanto, confira o local de realização com antecedência.

REFORMA ORTOGRÁFICA — Orientação ao candidato

As provas para esse processo seletivo serão redigidas de acordo com o Novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa, em vigor desde 1º de janeiro de 2009.

Download do Programa da prova (PDF) Download da estrutura da redação (PDF)

Vestibular Tradicional

Inscrições

De 24 de agosto a 17 de novembro de 2017.

As inscrições serão feitas somente pelo site: www.espm.br/vestibular-sp

  • A taxa de inscrição é de R$ 120,00 (cento e vinte reais).

O pagamento pode ser efetuado via internet banking, com cartão Visa ou em qualquer agência bancária.

Pede-se atenção especial ao procedimento de inscrição:

  1. Preencha adequadamente os dados da ficha de inscrição no site, especialmente na opção de curso;
  2. Lembramos que para inscrever-se é necessário informar: o número do CPF próprio, ou do responsável financeiro, e um e-mail;
  3. Efetue o pagamento da inscrição, até a data de vencimento, por meio de:
    • cartão Visa
    • rede bancária ou
    • internet banking
  4. Apenas os candidatos inscritos poderão realizar a prova de vestibular;
  5. As pessoas portadoras de qualquer tipo de limitação ou necessidade especial participarão do vestibular em condições especiais, de acordo com a sua necessidade. Para tanto, será necessário que o candidato nos informe por e-mail e anexe o laudo médico atualizado com antecedência mínima de 20 dias da realização da prova. Para candidatos que tenham dislexia ou outras dificuldades, devem ser apresentados laudos inferiores a um ano. O endereço é: vestibularsp@espm.br.

Procedimento para conseguir o desconto

O candidato que cursou ou que cursa o ensino médio na rede pública poderá obter o desconto de 50% na taxa de inscrição. Para tanto, deverá escolher "rede pública" no formulário de inscrição.
Os treineiros também poderão ter 50% de desconto na taxa de inscrição, bastando declarar-se treineiro na ficha.

Clique aqui para baixar o Edital do vestibular tradicional Clique aqui para baixar o Formulário de Bolsa Social

Vestibular Tradicional

Vagas

Curso Turno Vagas
Administração Diurno 158
Ciências Sociais e do Consumo Diurno 34
Comunicação Social – habilitação em Publicidade e Propaganda Diurno 200
Design Diurno 70
Jornalismo Matutino 34
Relações Internacionais Diurno 116
TECH Diurno 34

Matutino: das 7h20 às 12h50 (horário oficial de Brasília)
Diurno: das 7h20 às 17h40 (horário oficial de Brasília)
Noturno: das 19h30 às 23h (horário oficial de Brasília)

Mais informações na 1ª página do Edital (baixe o arquivo completo abaixo).

Clique aqui e baixe o Edital

Processos Seletivos

Processo Seletivo ENEM

APROVEITE SUA NOTA DO ENEM

A ESPM reserva uma quantidade das vagas de cada curso da graduação para a utilização da nota do ENEM. O resultado da seleção é divulgado antes dos exames para o vestibular tradicional, ou seja, o candidato não aprovado pelo ENEM ainda poderá realizar o vestibular tradicional da ESPM.

PERÍODO DE INSCRIÇÃO

De 24 de agosto a 16 de outubro de 2017

REGRAS PARA UTILIZAR A NOTA DO ENEM

  • Média geral mínima de 580 pontos, e nota mínima de 650 pontos em redação, ambas as pontuações precisam ser obtidas no mesmo exame;
  • São aceitas notas referentes a exames realizados em qualquer ano, exceto 2017, pois a prova ainda ocorrerá;
  • A utilização da nota do ENEM não isenta o candidato de concluir o ensino médio, sendo necessária a apresentação de certificado para realização da matrícula;
  • Pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 20,00. Não haverá isenção para os outros processos seletivos;

CRITÉRIOS DE DESEMPATE

  • Maior média geral
  • Pontuação em Redação
  • Pontuação em Linguagem, Códigos e suas Tecnologias
  • Pontuação em Ciências Humanas e suas Tecnologias
  • Pontuação em Matemática e suas Tecnologias
  • Pontuação em Ciências da Natureza e suas Tecnologias.

Vagas oferecidas

Serão oferecidas as seguintes vagas, conforme quadro abaixo:

DISTRIBUIÇÃO DAS VAGAS OFERECIDAS – 2018.1
Curso ENEM
Administração 30
Ciências Sociais e do Consumo 10
Design 14
Jornalismo 10
Publicidade e Propaganda 35
Relações Internacionais 25
Sistemas de Informação (TECH) 10
TOTAL 134

BOLSA DE ESTUDO

A ESPM oferece bolsas de estudo meritocráticas para os 3 primeiros colocados de cada curso. As bolsas de caráter social são exclusivas para o vestibular tradicional da ESPM.

Veja os descontos oferecidos:

Bolsa de estudo – ENEM
1.º colocado 75% de desconto
2.º colocado 60% de desconto
3.º colocado 50% de desconto

As bolsas são válidas até o fim do curso e se restringem unicamente ao valor da matrícula e da mensalidade, não abrangendo dependências (DPs), taxas, atividades extras etc.

A condição para que a bolsa do estudante seja mantida é que o estudante não venha a ser reprovado em qualquer uma das disciplinas da matriz curricular durante os 4 anos de sua vida acadêmica.

Caso o candidato contemplado com a bolsa meritocrática não tenha interesse ou venha a cancelar a matrícula, a bolsa não será transferida ao próximo candidato mais bem colocado, pois é pessoal e intransferível.

Clique aqui para baixar o Edital do Processo ENEM

Processos Seletivos

Processo Seletivo Abitur

APROVEITE SEU DESEMPENHO NO ABITUR

O ABITUR é uma qualificação educacional reconhecida internacionalmente e aceita pela ESPM, que reserva uma quantidade das vagas de cada curso para esta modalidade.

PERÍODO DE INSCRIÇÃO

De 24 de agosto a 16 de outubro de 2017.

CARTA DE RECOMENDAÇÃO

A entrega da carta de recomendação deverá ser feita dentro do período de inscrição.

REGRAS PARA UTILIZAR A NOTA DO ABITUR

  • Serão aceitas as notas de exames realizados até 2016;
  • Nota final mínima: 2,7 pontos;
  • Nota final mínima em Matemática: 11 pontos;
  • Nota final mínima em Língua Portuguesa: 11 pontos;
  • Entrega da carta de recomendação;
  • Escreva uma carta de motivação e a envie para a ESPM em PDF (haverá verificação e validação por meio de software antiplágio);
  • Para os candidatos que já concluíram o ensino médio, é necessário enviar em PDF o certificado e o histórico de conclusão do Ensino Médio brasileiro e o certificado ABITUR para o e-mail abitur-sp@espm.br
  • Pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 20,00. Não haverá isenção para os outros processos seletivos;

VAGAS OFERECIDAS PELO ABITUR

Nesta modalidade, o candidato só poderá escolher uma opção de curso, que contará com chamada única de classificação. Confira a quantidade de vagas para cada curso:

VAGAS - PROCESSO SELETIVO ABITUR - 2018.1
Curso Vagas Abitur
Administração 4
Ciências Sociais e do Consumo 2
Design 2
Jornalismo 2
Publicidade e Propaganda 5
Relações Internacionais 3
Sistemas de Informação (TECH) 2
TOTAL GERAL 20

CRITÉRIOS DE DESEMPATE

  • Maior média geral ABITUR.
  • Maior média em Língua Portuguesa (cursos de Ciências Sociais e do Consumo, Design, Jornalismo, Publicidade e Propaganda e Relações Internacionais).
  • Maior média em Matemática (cursos de Administração e Sistemas de Informação em Comunicação e Gestão).

DESCLASSIFICAÇÃO

Serão desclassificados, os candidatos que:

  • Não obtiverem no ABITUR nota final mínima geral de 2,7 pontos (de 6 a 1, sendo 1 a melhor nota);
  • Não obtiverem no ABITUR nota final mínima em Matemática de 11 pontos;
  • Não obtiverem no ABITUR nota final mínima em Língua Portuguesa de 11 pontos;
  • Não realizarem a entrega da Carta de Recomendação;
  • Não realizarem a entrega da Carta de Motivação.
Clique aqui para baixar o Edital do Processo Abitur

Processos Seletivos

Processo Seletivo Diplôme du Baccalauréat International (BAC)

APROVEITE SEU DESEMPENHO NO DIPLÔME DU BACCALAURÉAT INTERNATIONAL (BAC)

O Diplôme du Baccalauréat International (BAC) é uma qualificação educacional reconhecida internacionalmente e aceita pela ESPM como processo seletivo, não sendo necessária a realização de uma avaliação para ingresso.

PERÍODO DE INSCRIÇÃO

De 24 de agosto a 16 de outubro de 2017

REGRAS PARA UTILIZAR A NOTA DO BAC

  • Tenha realizado o exame até 2016;
  • Tenha obtido média geral mínima de 16 pontos; nota mínima em Matemática de 15 pontos; e nota mínima em Língua Portuguesa de 16 pontos (neste caso, a nota máxima é 20);
  • Apresente o certificado BAC + carta de recomendação fornecida pela Escola;
  • Escreva uma carta de motivação e a envie para a ESPM em PDF (haverá verificação e validação por meio de software antiplágio) para o e-mail: bac-sp@espm.br;
  • Tenha concluído o ensino médio, sendo necessária a apresentação de certificado para realização da matrícula;
  • Faça entrevista pessoal com o coordenador do curso;
  • Pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 20,00. Não haverá isenção para os outros processos seletivos;

Os originais dos documentos encaminhados via e-mail deverão ser entregues na matrícula, e a não veracidade dos dados implicará na desclassificação do candidato.

VAGAS OFERECIDAS PELO BAC

Nessa modalidade, o candidato só poderá escolher uma opção de curso, que contará com chamada única de classificação. Confira a quantidade de vagas para cada curso:

VAGAS - PROCESSO SELETIVO BAC - 2018.1
CURSO Vagas BAC
Administração 4
Ciências Sociais e do Consumo 2
Design 2
Jornalismo 2
Publicidade e Propaganda 5
Relações Internacionais 3
Sistemas de Informação (TECH) 2
TOTAL GERAL 20

APURAÇÃO DO RESULTADO

Dependendo do curso inscrito, o cálculo da média ponderada contará com diferentes pesos. As maiores médias serão cruzadas com a análise da carta de referência para determinar os candidatos aprovados. Em caso de empate, terá preferência o candidato com maior nota de Matemática ou de Língua Portuguesa (de acordo com o peso do curso). Persistindo o empate, terá preferência o candidato com maior idade. Confira a tabela de pesos para a definição da média ponderada:

PESOS
CURSO PONTUAÇÃO GERAL PORTUGUÊS MATEMÁTICA
ADM, TECH 3 3 4
CISO, DSG, JOR, PP e RI 3 4 3
Clique aqui para baixar o Edital do Processo BAC

Processos Seletivos

Processo Seletivo IB

APROVEITE SEU DESEMPENHO NO IB

O International Baccalaureate (IB) é uma qualificação educacional reconhecida internacionalmente e aceita pela ESPM, que reserva uma quantidade das vagas de cada curso para esta modalidade.

PERÍODO DE INSCRIÇÃO

De 24 de agosto a 16 de outubro de 2017

REGRAS PARA UTILIZAR A NOTA DO IB

  • São aceitas apenas as notas de exames realizados nos últimos 3 anos;
  • É obrigatório realizar as avaliações (Standard Level - de Matemática e Português);
  • Média geral mínima: 32 pontos;
  • Nota mínima em Matemática: 4 pontos;
  • Nota mínima em Língua Portuguesa: 5 pontos;
  • Escreva uma carta de motivação e a envie para a ESPM em PDF (haverá verificação e validação por meio de software antiplágio);
  • Para os candidatos que já concluíram o ensino médio, é necessário o envio do resultado do IB. Já para os candidatos que estão em fase de conclusão, é solicitado que a escola envie um Predicted Grade (que só será validado oficialmente em junho). Em ambos os casos, será necessária, também, uma carta de recomendação;
  • Pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 20,00. Não haverá isenção para os outros processos seletivos;

VAGAS OFERECIDAS PELO IB

Nessa modalidade, o candidato só poderá escolher uma opção de curso, que contará com chamada única de classificação. Confira a quantidade de vagas para cada curso:

VAGAS - PROCESSO SELETIVO IB - 2018.1
CURSO Vagas IB
Administração 4
Ciências Sociais e do Consumo 2
Design 2
Jornalismo 2
Publicidade e Propaganda 5
Relações Internacionais 3
Sistemas de Informação (TECH) 2
TOTAL GERAL 20

APURAÇÃO DO RESULTADO

Dependendo do curso inscrito, o cálculo da média ponderada contará com diferentes pesos. As maiores médias serão cruzadas com a análise da carta de referência para determinar os candidatos aprovados. Em caso de empate, terá preferência o candidato com maior nota de Matemática ou de Língua Portuguesa (de acordo com o peso do curso). Persistindo o empate, terá preferência o candidato com maior idade. Confira a tabela de pesos para a definição da média ponderada:

PESOS
CURSO PONTUAÇÃO GERAL PORTUGUÊS MATEMÁTICA
ADM, TECH 3 3 4
CISO, DSG, JOR, PP e RI 3 4 3
Clique aqui para baixar o Edital do Processo IB

Cursos

Administração

MERCADO DE TRABALHO E PROFISSÃO

O mercado de trabalho para o profissional que se forma em Administração é amplo e diversificado. As organizações contratam os administradores para ocupar postos de trabalho em todas as áreas funcionais existentes: de gestão a finanças, de recursos humanos a produção, de estratégia a marketing, de logística a vendas. Administradores são requisitados por empresas de todos os portes, tipos e ramos: serviços, indústrias, varejo e ONGs, sejam multinacionais ou nacionais. Também, ano após ano, mais pessoas optam por começar seus próprios negócios. Em ambos os casos, as competências que o curso de Administração da ESPM desenvolve são particularmente importantes, tanto para aqueles que almejam as melhores posições no mercado de trabalho quanto para aqueles que querem empreender ou suceder parentes na gestão de empresas familiares.

Administrar é planejar, organizar, liderar e controlar o trabalho de pessoas e máquinas. O administrador toma decisões, negocia e resolve problemas, procurando melhorar o desempenho dos recursos sob sua gestão e das organizações nas quais está integrado. Para ser um bom administrador é necessário ter habilidades humanas, técnicas e conceituais: as habilidades humanas (de liderança, relacionamento interpessoal, comunicação, entre outras) são necessárias para o sucesso do trabalho em equipe e para um cargo de chefia; as habilidades técnicas (de produção, finanças, marketing, recursos humanos e outras) propiciam o entendimento dos produtos e processos das áreas e do trabalho nas organizações; e as habilidades conceituais permitem que sejam compreendidos e entendidos problemas complexos e inéditos, pois o mundo dos negócios muda constantemente, apresentando desafios renovados com os quais o administrador tem que estar apto a lidar.

CURSO

O curso de Administração da ESPM é estruturado para formar profissionais que saibam trabalhar em grupo, sejam orientados para resultados, atentos ao mercado, inovadores e tenham um profundo compromisso com a ética. A preocupação com métodos de ensino inovadores é constante: os professores e gestores se atualizam continuamente para trazer aos nossos alunos o que de melhor e mais moderno está sendo feito nessa área. Como não poderia deixar de ser, o curso de Administração da ESPM, instituição reconhecida por sua liderança em marketing, também se sobressai pela abrangência com que são tratados os temas ligados ao marketing em todos os tipos de organizações, consolidando uma matriz curricular de intensa dosagem de gestão e finanças.

Nos dois primeiros anos do curso de Administração na ESPM o estudante desenvolve cultura abrangente, competências analíticas e aprende os fundamentos da profissão. Monitorias de métodos quantitativos e finanças reforçam seu aprendizado. Nos dois anos seguintes o estudante aprofunda seu conhecimento relacionando continuamente o que discute e faz em sala de aula com as práticas encontradas no dia a dia das organizações.

Há também a possibilidade de o estudante obter uma dupla titulação. A ESPM possui parcerias com a Universidad Nebrija (Madri) e com a IESEG School of Management (Paris), possibilitando o diploma brasileiro e um diploma internacional. Vale ressaltar que intercâmbios de menor duração, com instituições internacionais ao redor do mundo, com as quais a ESPM mantém convênio, estão à disposição dos estudantes interessados em viver essa experiência e se tornar um profissional diferenciado no mercado.

A recompensa por todo esse esforço é concreta. Na hora de fazer estágio, o estudante pode escolher entre excelentes opções, pois as empresas oferecem mais de 100 oportunidades por mês. E detalhe: o curso de Administração da ESPM tem um dos maiores índices de empregabilidade do País.

Papel do estudante

A proposta do curso de Administração da ESPM pressupõe o estímulo à autonomia e à responsabilização do estudante frente à sua formação. De forma prática, além dos conhecimentos que compõem a matriz curricular, o estudante será convocado a fazer escolhas, sobre um conjunto de disciplinas eletivas e sobre trilhas de especialização, por exemplo. Tudo isso sob a ótica de mérito — ao longo de seu percurso na faculdade, as escolhas do estudante também terão como pressuposto sua performance acadêmica.

Conjunto de conhecimentos

Ao estudante que opta pelo curso de Administração da ESPM é oferecido um repertório de conhecimentos relevante, profundo e compatível com a alta expectativa que o mercado empregador possui e que, por sua vez, oferece inúmeras possibilidades de atuação profissional, compreendidas por: Gestão, Finanças, Marketing, Humanidades, Métodos Quantitativos e Economia. Soma-se a esses conhecimentos um conjunto de disciplinas, que têm a responsabilidade de integrar de maneira metodológica e prática os conhecimentos oferecidos e os projetos integrativos..

Estrutura do curso

Do 1.º ao 4.º semestres, o curso é matutino (a partir das 7h20). Em um dia da semana, o estudante terá a oferta de aulas no período da tarde (a partir das 14h), de caráter mais experimental e laboratorial para permitir um melhor gerenciamento de atividades extracurriculares. Do 5º ao 8º semestres o curso é noturno (a partir das 19h30). As aulas e atividades regulares acontecem preferencialmente durante os dias da semana, com algumas exceções aos sábados.

Espaços de escolhas e de autonomia do estudante
Trilhas

O curso de Administração da ESPM oferece ao estudante um modelo de escolhas por áreas da administração que possibilita sua especialização e ingresso no mercado de trabalho, de acordo com suas preferências, contemplando disciplinas modernas e adequadas para a sua especialização, oferecidas do 5.° ao 8.° semestres, já no período noturno. Das quatro trilhas oferecidas, o estudante tem a opção de escolher uma delas:

  • Gestão e Execução de Estratégias
  • Gestão Financeira
  • Gestão em Marketing
  • Gestão de Negócios Digitais
Eletivas

Ser protagonista de sua formação inclui perceber que, além dos conhecimentos que compõem o curso, há outros que aderem ao interesse, à curiosidade e à oportuna experimentação. Muitas vezes, essa descoberta recai em áreas que não fazem parte do curso de Administração. Dessa forma, compõe a matriz curricular do estudante (a partir do 5º semestre) um espaço para que ele opte por até duas disciplinas a cada semestre, disciplinas estas que fazem parte de um pacote de conhecimentos de todos os cursos da ESPM. Além de se estabelecer como um estímulo a mais para o estudante, também favorece a ampliação de sua percepção profissional e o amadurecimento de suas escolhas. Nesse sentido, os cursos da ESPM promovem a atualização constante da oferta das disciplinas eletivas, contemplando novas demandas de mercado e temáticas específicas. Nessa oferta, também estão contempladas disciplinas ministradas em língua inglesa. Em termos de currículo, o estudante deverá cursar seis disciplinas eletivas durante o curso, entre o 5.º e o 7.º semestres.

Atividades complementares e espaços de experimentação

Durante o curso, o estudante é convidado a realizar diversas atividades complementares para ampliar sua formação, várias delas oferecidas pela própria ESPM — algumas em conjunto com os alunos de nossos cursos das unidades Rio de Janeiro e Sul e também com nossas parcerias nacionais e internacionais —, tais como:

  • ESPM Jr.: consultoria a empresas de mercado, em diferentes áreas de trabalho, com suporte da estrutura da faculdade;
  • ESPM Social:ligada às questões de responsabilidade socioambiental e sustentabilidade, oferece treinamento aos estudantes por meio de projetos desenvolvidos para ONGs, institutos e fundações;
  • Oficinas ESPM:cerca de trinta modalidades diferentes a cada semestre;
  • Incubadora de Negócios:suporte e estrutura fundamentais para os projetos empreendedores dos estudantes a partir de seu projeto de conclusão de curso;
  • Cintegra: visita a empresas, institutos e feiras;
  • Projetos especiais:o estudante pode participar de eventos, concursos, fóruns e seminários, ligados ao mundo empresarial e acadêmico;
  • Intercâmbios:a ESPM estabelece vínculos com, aproximadamente, 27 universidades de diferentes países para a disponibilização de diversas modalidades de intercâmbios; de curta, média e longa durações, possibilitando ao estudante valiosas experiências internacionais em sua formação;
  • Núcleo de imagem e de som:estúdios e um sofisticado sistema de convergência digital de som e imagem, nos mesmos moldes daqueles utilizados pelas principais emissoras e produtoras de vídeo;
  • Retail Lab:loja-laboratório exclusiva para estudo das práticas de varejo;
  • Game Lab:espaço de estudo e de construção de projetos experimentais do universo dos jogos.

Dados gerais

Número de vestibulares 2 por ano
Total de vagas 200 por semestre
Número de turmas 4 por semestre
Número máximo por turma 60 estudantes*
Turnos de funcionamento 1.º ao 4.º semestre — matutino com uma tarde por semana
5.º ao 8.º semestre — noturno

*As disciplinas práticas têm o número de alunos adequado à dinâmica da aula.

Grade

Disciplinas Créditos Tipo
Fundamentos de Gestão 4 Tronco
Jogos de Empresas 2 Tronco
Marketing I 4 Tronco
Matemática Financeira 4 Tronco
Psicologia Aplicada às Organizações 4 Tronco
Cálculo Diferencial 6 Tronco
Fundamentos de Economia 4 Tronco
Pesquisa em Administração 4 Tronco
Disciplinas Créditos Tipo
Teoria e Análise das Organizações 4 Tronco
Marketing II 4 Tronco
Comportamento do Consumidor 4 Tronco
Contabilidade Empresarial 4 Tronco
Direito Aplicado à Administração 4 Tronco
Cálculo Integral 4 Tronco
Microeconomia 4 Tronco
Gestão de Projetos 4 Tronco
Disciplinas Créditos Tipo
Gestão de Operações 4 Tronco
Administração de Sistemas de Informação 4 Tronco
Marketing III 4 Tronco
Gestão de Custos e Preços 4 Tronco
Filosofia 4 Tronco
Estatística Descritiva 4 Tronco
Macroeconomia 4 Tronco
Pesquisa Integrada 4 Tronco
Disciplinas Créditos Tipo
Gestão de Pessoas 4 Tronco
Marketing IV 4 Tronco
Finanças Corporativas 4 Tronco
Intuição, Ciência e Lógica 4 Tronco
Inferência Estatística 4 Tronco
Economia Brasileira e Internacional Contemporânea 4 Tronco
Projeto Integrado 4 Tronco
Disciplinas Créditos Tipo
Estratégia Empresarial 4 Tronco
Branding 4 Tronco
Gestão de Investimentos 4 Tronco
Análise de Regressão 2 Tronco
Eletiva I 2 Eletiva
Eletiva II 2 Eletiva
Criando Valor com Métricas Digitais 2 Trilha Gestão e Execução de Estratégias
Comunicação de Marketing 2 Trilha Gestão de Marketing
Finanças Internacionais 2 Trilha Gestão Financeira
Modelos de Negócios 2 Trilha Gestão de Negócios Digitais
Disciplinas Créditos Tipo
Gestão da Cadeia de Suprimentos 4 Tronco
Pesquisa de Marketing 2 Tronco
Controladoria 4 Tronco
Pré-projeto de TCC 2 Tronco
Estágio Supervisionado 2 Tronco
Eletiva III 2 Eletiva
Eletiva IV 2 Eletiva
Indicadores Financeiros como Alavanca Estratégica 2 Trilha Gestão e Execução de Estratégias
Business Intelligence 2 Trilha Gestão de Marketing
Governança, Riscos e Compliance 2 Trilha Gestão Financeira
Marketing Digital 2 Trilha Gestão de Negócios Digitais
Disciplinas Créditos Tipo
Gestão Simulada 4 Tronco
Trade Marketing 2 Tronco
Responsabilidade Socioambiental 2 Tronco
Análise de Decisões 4 Tronco
TCC I 2 Tronco
Eletiva V 2 Eletiva
Eletiva VI 2 Eletiva
Execução Estratégica 2 Trilha Gestão e Execução de Estratégias
Marketing de Nichos 2 Trilha Gestão de Marketing
Mercado de Capitais 2 Trilha Gestão Financeira
E-commerce e Logística 2 Trilha Gestão de Negócios Digitais
Disciplinas Créditos Tipo
Marketing de Serviços e B2B 4 Tronco
Cultura e Sociedade 4 Tronco
TCC II 2 Tronco
Qualidade de Decisões sob Incerteza 2 Trilha Gestão e Execução de Estratégias
Métricas em Marketing 2 Trilha Gestão de Marketing
Avaliação, Fusão e Aquisições 2 Trilha Gestão Financeira
Análise de Métricas Digitais 2 Trilha Gestão de Negócios Digitais

Cursos

Ciências Sociais e do Consumo

MERCADO DE TRABALHO

Por ser um dos cursos mais importantes na área das humanidades, as Ciências Sociais possuem um vasto mercado já consolidado e também espaços atraentes para novos mercados.

O elevado crescimento do mercado de trabalho, com os melhores níveis de empregabilidade dos últimos vinte anos, a crescente tendência dos negócios de impacto social — que insere as empresas brasileiras no nível internacional —, e a renovação do universo corporativo tornam ainda mais atrativo o mercado de Ciências Sociais.

Em um mundo cada vez mais globalizado e tecnológico, torna-se ainda mais importante humanizar as relações. Portanto, é cada vez mais valorizado o profissional que tem visão ampla do funcionamento da sociedade e das empresas. Uma sólida formação técnica e, ao mesmo tempo, a capacidade de olhar criticamente para comunidades, desenvolvendo produtos e serviços inovadores.

O profissional de Ciências Sociais e do Consumo formado pela ESPM tem isso e muito mais. Ele conhecerá profundamente o comportamento humano e o consumo, as relações culturais e sociais, pesquisando hábitos, costumes e relações, sejam de famílias, grupos ou instituições.

O CURSO

O curso de Ciências Sociais e do Consumo da ESPM foi planejado especialmente para formar profissionais inovadores, que saibam antecipar as necessidades do mercado. Por isso, é um curso diferente do começo ao fim, tanto no conteúdo quanto no jeito de compartilhar conhecimento. Inova nas disciplinas, já que, além de atender às diretrizes do MEC nas disciplinas de Sociologia, Antropologia e Política, oferece uma carga maior nas áreas de Psicologia e de Pesquisa. Inova na formação da grade de aulas, que é moldável para os estudantes, com disciplinas diferenciadas. O estudante também conduz suas próprias pesquisas sobre atividades científicas, tecnológicas, artísticas e literárias. Tem portas abertas no exterior, por meio de programas e parcerias internacionais.

Papel do estudante

Ao longo de sua trajetória, no curso de Ciências Sociais e do Consumo, o estudante aprenderá a desenvolver sua liderança, qualificado para fazer seu trabalho com autonomia, sempre assumindo responsabilidade pela sua formação. Ele terá controle sobre parte de sua grade, escolhendo as disciplinas eletivas e os temas de trabalhos e pesquisas multidisciplinares.

Em cada semestre, seu desempenho acadêmico será avaliado por um corpo docente qualificado, com base na performance em trabalhos e apresentações. Cabe ressaltar que a adoção de práticas metodológicas que garantam esse processo é adotada como base pelo conjunto de disciplinas e atividades do curso.

Conjunto de conhecimentos

O curso prepara para três grandes desafios, cada vez mais exigidos no mundo em que vivemos. O primeiro é entender a complexidade da teia social contemporânea, por meio do domínio das Ciências Sociais. O segundo é conhecer profundamente o comportamento individual, com o concurso da Psicologia e da Filosofia. E o terceiro é saber como aplicar esses conhecimentos de forma prática e ética nas pesquisas sociais e de mercado.

O profissional de Ciências Sociais e do Consumo formado pela ESPM, além do conhecimento tradicionalmente exigido nas Ciências Sociais, trará consigo o “DNA ESPM”: profundo conhecimento de mercado, ambiente de negócios e gestão; ou seja, será um especialista em comportamento humano, cultura e em sociedade do consumo além de pesquisa e análise de mercado.

Estrutura do curso

Do 1º ao 4º semestre, o curso é diurno (a partir das 7h20). Um dia da semana, o estudante terá a oferta de aulas no período da tarde (a partir das 14h), de caráter mais experimental e laboratorial, para permitir melhor gerenciamento de atividades extracurriculares. Do 5º ao 8º semestre, o curso é noturno (a partir das 19h30). As aulas e atividades regulares acontecem durante os dias de semana.

Núcleos

Cumprindo as Diretrizes Nacionais, a organização curricular do curso de Ciências Sociais acontece de acordo com “Núcleos Cognitivos”.

São eles: Núcleo de Ciências Sociais, Núcleo de Ciências do Pensamento e Comportamento, Núcleo de Mercado e Consumo, Núcleo de Gestão, Núcleo de Pesquisas e Métodos Quantitativos e o Núcleo de Fundamentos Econômico-Financeiros e Jurídicos.

  • Núcleo de Ciências Sociais: as disciplinas clássicas das Ciências Sociais, tais como Antropologia, Sociologia e Ciência Política fundamentam o desenvolvimento crítico e auxiliam o egresso a pensar a sociedade de forma complexa, como também entender melhor o ser humano enquanto produtor e produto da cultura e sociedade. Também, nesse núcleo, a questão da Responsabilidade Social aparece como uma vertente das preocupações sociais na contemporaneidade.
  • Núcleo de Ciências do Pensamento e do Comportamento: reúne as disciplinas que estudam o ser humano sob a ótica do comportamento individual, resultante tanto de sua filosofia de vida quanto das reações neuroquímicas cerebrais. Essas disciplinas ajudam o egresso a compreender de forma profunda o ser humano e seu sentido de vida: suas motivações, percepções, personalidades e formas de aprendizagem.
  • Núcleo de Mercado e Consumo: condensa as disciplinas que têm por finalidade fornecer ao egresso o conhecimento de marketing de forma a capacitá-lo na gestão de marcas, em produtos e serviços, bem como na identificação de oportunidades de mercado. Por meio de uma ampla diversidade de conceitos de marketing, o estudante estará apto a desenvolver projetos integrados nos diferentes interesses e áreas de uma organização.
  • Núcleo de Gestão: concentra as disciplinas de fundamentação administrativa indispensáveis para a compreensão crítica do ambiente organizacional, da inter-relação com seus pares, das ferramentas para a tomada de decisão e dos principais conceitos e práticas de liderança.
  • Núcleo de Pesquisas e Métodos Quantitativos: reúne as matérias que têm por finalidade embasar os estudantes nos diferentes métodos de pesquisa para interpretar o conhecimento humano adquirido nos outros núcleos, bem como produzir análises de demanda, de tendências e projeções do mercado.
  • Núcleo de Fundamentos Econômicos e Jurídicos: condensa as disciplinas que têm por finalidade fornecer ao egresso o conhecimento da Economia, de análise macro e microeconômica e dos fundamentos da Economia Comportamental. Esse núcleo também concentra as disciplinas relacionadas ao campo da ética, legislação e do direito, indispensáveis para o entendimento, tanto do mundo coorporativo quanto para a sociedade civil.
Espaços de escolhas e de autonomia do estudante
Eletivas

Na ESPM, você trilha um caminho único e pessoal. Você é o protagonista de sua formação. Por isso, no decorrer da faculdade, serão oferecidas disciplinas eletivas, em um total de 28 créditos, as quais poderão ser cumpridas entre as oferecidas no próprio curso ou pelos outros cursos.

Disciplinas Eletivas Carga Horária
Disciplina de Quatro créditos* 72
Antropologia Digital 72
Psicologia Social 72
Psicologia da Aprendizagem 72
Comunicação, Moda e Cultura 72
Arte e Música como Manifestação Política e Cultural 72
Geopolítica 72
Tendências e Inovação 72
Educação: Perspectivas Comparadas 72
Bioética 72
Ética e Responsabilidade na Pesquisa em Ciências Sociais 72
Multiculturalismo, Reconhecimento e Identidade-Alteridade 72
*Qualquer disciplina de quatro créditos (72 horas) de qualquer uma das matrizes curriculares de Comunicação Social com ênfase em Publicidade (CSO), Administração (ADM), Design (DSG), Relações Internacionais (RI), Comunicação Social com ênfase em Jornalismo (JOR).
Trilhas

O curso oferece também, a oportunidade de especialização em três trilhas:

  • Investigação de Comportamento/Pesquisa de Mercado

    Como se comportam os diferentes perfis de consumidor? Como eles constroem suas identidades? Como se caracterizam os seus mercados?

    Essa linha de pesquisa dedica-se ao estudo dessas e de outras questões, qual a influência da classe social nas decisões de compra, identidade racial e estratégias de marketing, estilos de vida, de produtos e identidade grupal, raízes da psicografia, técnicas de consumer insights e a incessante busca de novas tendências (“coolhunting”).

  • Negócios de Impacto Social

    Entre as áreas em franco crescimento e destaque, está a de Negócios de Impacto Social. Portanto, é fundamental entender completamente seus diferentes modelos de funcionamento. Essa linha de pesquisa, investiga ferramentas de gestão de negócios sociais, estudos de cases, modelos de impactos sociais, indicadores de impactos sociais, entre outros.

  • Educação e Cultura

    Segmento que ganha cada vez mais importância para o profissional de Ciências Sociais. Contempla o estudo e o foco nas questões da diversidade — de gênero, religiosas e étnicas — e sua inserção nas organizações e no consumo. Como também visa a outros segmentos menos atendidos, como o da terceira idade.

Atividades complementares e espaços de experimentação

Durante o curso, o estudante é convidado a realizar diversas atividades complementares para ampliar sua formação.

  • Oficinas ESPM: as oficinas ESPM visam, a partir de experiências práticas, a complementação acadêmica ou pessoal dos estudantes dos cursos de graduação da ESPM. As aulas semanais ocorrem fora do horário regular de aulas.
  • ESPM Jr.: empresa de consultoria formada por estudantes de Administração, Design, Publicidade e Propaganda e Relações Internacionais. Com mais de 15 anos de atividade, desenvolve projetos de consultoria em administração, marketing e comunicação para empresas de todos os portes. Já atendeu a grandes clientes, como Nestlé, Motorola e Ericsson, entre outros.
  • Incubadora de Negócios: os estudantes que possuem uma ideia de negócios utilizam a infraestrutura da incubadora para montar a própria empresa.
  • ESPM Social: os estudantes elaboram e implementam projetos de desenvolvimento social em comunidades de baixa renda e organizam eventos relacionados à sustentabilidade, além de atuar diretamente na assessoria de organizações do Terceiro Setor.
  • Tangerina – Grupo de Teatro ESPM: criado a partir de um trabalho de sociologia de Dan Stulbach na ESPM, o Grupo Teatro Tangerina completa 20 anos. Conta com cerca de 70 integrantes. Realiza ensaios permanentes e apresenta, em média, duas peças por ano, estimulando a erudição e a liberação criativa por meio da arte

Dados gerais

Número de vestibulares 2 por ano
Número de turmas 1 por semestre
Número máximo por turma 60 estudantes*
Turnos de funcionamento 1.º ao 4.º semestre — diurno
5.º ao 8.º semestre — noturno

*As disciplinas práticas têm o número de alunos adequado à dinâmica da aula.

Matriz Curricular

O curso proposto pela ESPM não apenas atende às exigências para os cursos tradicionais de Ciências Sociais como tem carga maior em outras áreas de psicologia e de pesquisa.

*Atividade complementar obrigatória no período vespertino.
Disciplina Créditos
Cultura e Sociedade I 4
História Contemporânea 4
Marketing I: Fundamentos 4
Psicologia I: Motivação e Emoção 4
Filosofia Clássica 4
Estatística I 4
Comunicação e Linguagem 4
(Trilha) Projetos Interdisciplinares* 4
Estudos e Projetos Dirigidos 2
Disciplina Créditos
Cultura e Sociedade II 4
Psicologia II: Teorias da Personalidade 4
Marketing II: Análise do Marketing Mix 4
Teoria Geral da Administração (TGA) 4
Estatística II 4
Sexualidade Humana 4
Filosofia Moderna 4
(Trilha) Projetos Interdisciplinares* 4
Estudos e Projetos Dirigidos 2
Disciplina Créditos
Ciência Política 4
Ciência e Religião 4
Psicologia III: Sentidos, Percepção e Sensação 4
Laboratório de Métodos e Técnicas de Pesquisa I 4
Marketing III: Tópicos Avançados de MKT. 4
Gestão de Pessoas: Liderança 4
Cultura e Sociedade do Consumo I 4
(Trilha) Projetos Interdisciplinares* 4
Estudos e Projetos Dirigidos 2
Disciplina Créditos
Dimensões Biológicas do Comportamento Humano: Neurociências 4
Ética de Mercado e Defesa do Consumidor 4
Laboratório de Métodos e Técnicas de Pesquisa II 4
Epistemologia e Lógica 4
História do Pensamento Político e Econômico 4
Brasil e o Contexto Internacional 4
Cultura e Sociedade do Consumo II 4
(Trilha) Projetos Interdisciplinares* 4
Estudos e Projetos Dirigidos 2
Disciplina Créditos
Macroeconomia e Finanças de Mercado 4
Estratégia Empresarial 4
Responsabilidade Socioambiental 4
Eletiva 4
Eletiva 4
Disciplina Créditos
Economia Comportamental 4
Gestão de Operações 4
Eletiva 4
Eletiva 4
Disciplina Créditos
TCC I 4
Eletiva 4
Eletiva 4
Disciplina Créditos
TCC II 4
Eletiva 4

Cursos

Design

MERCADO DE TRABALHO

O Design, no Brasil, há pouco mais de 20 anos, era uma área restrita a poucos grupos. Os cursos superiores chamavam-se Desenho Industrial, e o estudante escolhia sua habilitação entre Programação Visual ou Projeto de Produto.

Com a modernização tecnológica, associada às novas demandas da vida contemporânea, o Design é visto hoje com outros olhos. Sua importância econômica, cultural e estratégica consolida-se nacional e internacionalmente.

Agências brasileiras desenvolvem projetos para o exterior, o Brasil vence premiações, destaca-se em concursos, exposições, sedia importantes eventos de porte internacional. Aumentam ainda as publicações científicas, técnicas e eventos consagrados, como o Festival Internacional de Criatividade/Cannes, distinguem o Brasil pelos prêmios e pelas importantes menções na modalidade Design, inaugurada em 2008.

PROFISSIONAL

O designer contemporâneo deve procurar o desenvolvimento empreendedor, o trabalho em equipe e a gestão da criatividade, contribuindo com a melhoria socioeconômica, cultural e ambiental — pilares da sustentabilidade. A Escola incorpora essa visão em seu Plano Diretor Acadêmico, propondo formas de aprendizagem que a valorizem e reforcem essa conduta. Espera-se que o designer se prepare, efetivamente, para o exercício da profissão com uma visão multidisciplinar, sistêmica e transformadora.

A formação ampla é necessária para a atuação num mercado que pede um profissional inovador e proativo, capacitado a criar e a gerenciar projetos voltados às pessoas. Um profissional para uma carreira em ascensão − considerada um dos campos de ponta para o século 21.

CURSO

O curso de Design da ESPM nasceu de um olhar abrangente para as atuais demandas e expectativas em relação às novas mídias, interfaces, ao panorama econômico e sociocultural brasileiro e global. Também pelo diferencial competitivo que o Design pode oferecer às organizações e ao desenvolvimento da sociedade.

O bacharelado em Design da ESPM tem habilitação em Comunicação Visual, com ênfase em Marketing. Ou seja, o curso oferece ao estudante uma sólida formação em projeto e planejamento, em áreas conhecidas do Design Visual — gráfico e digital —, especialmente marcas e sistemas de identidade visual, embalagem, segmento editorial (projeto de livro, revista e jornal), sinalização ambiental, design voltado à web, videografismo e 3D.

O curso estrutura-se em três grandes eixos: cultura e fundamentação; projeto; gestão e mercados. As áreas de estudo relacionam criação, linguagens e tecnologias, metodologia, planejamento e gerenciamento de design.

O Design na ESPM distingue-se dos outros cursos superiores da área por oferecer ao estudante também uma visão de negócios que amplia sua formação específica em projetos. Essa visão é construída num trabalho que envolve disciplinas, como Economia, Marketing e Finanças, com outras de cunho humanístico, estético, cultural e tecnológico.

Com oportunidade de exercitar suas práticas criativas, tanto em ateliê, sala híbrida, quanto nos laboratórios de fotoquímica e digital, vídeo, computação gráfica avançada e 3D, o estudante de Design da ESPM encontra recursos e infraestrutura para se desenvolver e se aprimorar constantemente. Além disso, há atividades de extensão — palestras, oficinas, encontros com profissionais, ciclos de cinema, Jornada do Design, Mostra Destaque Estudantil, Núcleos de Interesse em Design (NID) — e mais uma grande rede de eventos, fora os concursos internos e externos. Nosso estudante pode participar, ainda, do Programa de Iniciação Científica (PIC), da ESPM Jr., dos projetos voltados ao terceiro setor na ESPM Social e também dos intercâmbios internacionais com as escolas parceiras, algumas voltadas exclusivamente à área de Design. Tudo isso, respaldado por um corpo docente altamente qualificado, que alia competências acadêmicas e de mercado.

O Programa de Estágio Supervisionado é outro diferencial importante no curso de Design da ESPM e uma grande oportunidade para a entrada no mercado de trabalho. Tendo início no 4.º semestre, o estudante conta com professores específicos para orientá-lo em entrevistas, currículo, portfólio e site pessoal. O estudante também pode participar de várias áreas da Escola e, principalmente, do Design Lab ESPM — uma consultoria júnior que produz trabalhos experimentais sob a supervisão de professores com experiência acadêmica e de mercado. O curso realiza o “Portfolio Day”, quando designers de mercado são convidados a avaliar o portfólio dos estudantes. A ESPM tem uma extensa rede de empresas parceiras que buscam e selecionam seus futuros profissionais diretamente na Escola.

No último ano, durante o 7º e o 8º semestres, o estudante desenvolve o seu projeto final de graduação — o Projeto de Graduação em Design (PGD) — numa das quatro modalidades: Aplicado, Monográfico, Empreendedor ou Experimental. Pode escolher a área de seu maior interesse num projeto autoral, dentro do design gráfico ou digital, conectando conhecimentos de marketing, que darão suporte e diferenciação ao seu trabalho.

A formação do designer na ESPM caracteriza-se por uma composição de conhecimentos culturais, técnicos, de projeto e gestão. Desse modo, prepara para a atuação em escritórios de design e de arquitetura, agências de comunicação e propaganda — principalmente na direção de arte —, em empresas nacionais e multinacionais e, especialmente, na gerência de marcas.

A empregabilidade dos formandos tem sido, ao longo dos anos, sempre próxima a 100%. Desses postos, mais de 80% ligados à economia de serviços, em empresas dos mais variados portes e segmentos.

Dados gerais

Número de vestibulares 2 por ano
Número de turmas 2 — 1.º semestre
1 — 2.º semestre
Número máximo por turma 60 estudantes*
Turnos de funcionamento 1.º ao 4.º semestre — diurno
5.º ao 8.º semestre — noturno

*As disciplinas práticas têm o número de alunos adequado à dinâmica da aula.

OBSERVAÇÕES

  • A aprovação em todas as disciplinas até o 6º semestre é pré-requisito para cursar PGD I/ 7º semestre.
  • A aprovação em todas as disciplinas até o 7º semestre é pré-requisito para cursar PGD II/ 8º semestre.
  • O programa de Estágio Supervisionado é obrigatório e compreende, além das disciplinas Estágio Supervisionado I e II, complementação de 263 horas, com trabalho a ser definido com o tutor de estágio, além da elaboração de portfólio no 6º semestre.

Matriz Curricular

Disciplina Créditos
Projeto Inicial 4
Filosofia 4
Fundamentos de Economia 4
História da Arte 4
Linguagem Visual 4
Módulo Representação I 10
Disciplina Créditos
Projeto II (Identidade) 4
Comunicação e Linguagem I 4
Marketing I 4
Módulo Representação II 4
Fotografia 4
Fundamentos de Gráfica 2
História do Design 4
Arte e Tecnologia 4
Disciplina Créditos
Projeto III (Cultura e Informação) 4
Comunicação e Linguagem II 4
Marketing II 4
Finanças I 2
Ergonomia 4
Produção Gráfica 4
Módulo Cor e Percepção 4
Disciplina Créditos
Projeto IV (Mundo Virtual) 4
Semiótica Aplicada ao Design 4
Marketing III 4
Finanças II 2
Módulo Webdesign 4
Módulo Tipografia 6
Módulo Design de Embalagem 4
Estágio Supervisionado I 2
Disciplina Créditos
Projeto V (Lúdico) 4
Estágio Supervisionado II 2
Ética e Legislação 2
Psicologia do Consumo 2
Módulo Imagem Eletrônica 3D 10
Disciplina Créditos
Projeto VI (Ambiental) 4
Design Comparado 4
Módulo Computação Gráfica 6
Branding 2
Imagem em Movimento 4
Disciplina Créditos
Projeto VII A / PGD I 4
Antropologia 4
Marketing IV 4
Design Estratégico 4
Finanças III 2
Disciplina Créditos
Projeto VII B / PGD II 4
Módulo English Seminars 4
Módulo Temas Repertoriais em Design e Marketing 4

Cursos

Jornalismo

MERCADO DE TRABALHO

Com a revolução digital, o campo de trabalho para o jornalista multiplicou-se em várias frentes. A forte demanda por conteúdo de qualidade e interesse público impulsiona a carreira. Hoje, sua atuação não se restringe mais à reportagem nos meios de comunicação tradicionais.

O mercado de Jornalismo comporta também redatores, editores, assessores de imprensa, infografistas, fotojornalistas e cinegrafistas, especialistas em conteúdo para redes sociais, gerentes de dados, produtores, jornalistas de multimídia visual, escritores de não ficção, documentaristas, comentaristas, correspondentes internacionais, entre outros. Enfim, atualmente o jornalista é um produtor de conteúdos e um curador de informações e o ambiente digital tornou-se referência para trabalhos jornalísticos.

O jornalista, portanto, pode atuar em jornais, emissoras de rádio e televisão, revistas, portais, blogs e outros meios digitais e, ainda, no departamento de comunicação de grandes empresas, em editoras, produtoras, agências de comunicação, assessorias de imprensa, consultorias de comunicação e órgãos públicos. Outra possibilidade importante é a de empreender seu próprio negócio na área ou atuar como profissional autônomo, prestando serviços a diversos veículos de comunicação.

PROFISSIONAL

O Jornalismo é uma profissão voltada ao interesse público. É preciso que o profissional tenha uma conduta balizada pela ética, utilize com segurança as tecnologias da informação e da comunicação e seja um avaliador permanente da sua própria produção.

Paralelamente à ética jornalística, a técnica jornalística pede que o profissional hoje domine múltiplas narrativas e seja capaz de se expressar com criatividade e precisão por meio de textos, fotografias, áudios e vídeos, narrativas gráficas e multimidiáticas.

O jornalista é tipicamente uma pessoa bem-informada, com olhar crítico a respeito da realidade, curioso e disposto a aprender, a cada dia, um pouco mais sobre o mundo ao seu redor. Tem, além disso, um forte senso de responsabilidade social e consciência do seu papel de mediador de informação na sociedade.

CURSO

O curso de Jornalismo da ESPM foi estruturado em duas grandes linhas: análise das melhores práticas de ensino em jornalismo no Brasil e no exterior; e entrevistas com as principais lideranças e empresários do setor.

O resultado é um curso em sintonia com as novas demandas do mercado e da sociedade, o qual forma profissionais completos, aptos a exercer eticamente atividades, em diversas mídias. O curso fornece ainda uma ampla visão do ambiente de negócios, incentivando o empreendedorismo.

Quatro núcleos compõem o currículo do curso:

  1. Formação Básica (fundamentação humanística);
  2. Profissionalização e instrumentação em jornalismo (disciplinas específicas do jornalismo, enfatizando a redação e a edição de conteúdos);
  3. Comunicação corporativa (relacionamento das empresas com a imprensa e a sociedade);
  4. 1. Comunicação com o mercado (relação entre organizações e seus públicos específicos).

Clique aqui e confira a lista de todas as disciplinas do curso.

Ao final do curso, o estudante desenvolve um Projeto de Graduação em Jornalismo (PGJ), que poderá ser em vídeo, rádio, impresso, internet ou reunindo diversas plataformas; ou, ainda, um trabalho monográfico ou empreendedor.

O curso de Jornalismo da ESPM está de acordo com a Resolução nº 1, de 27 de setembro de 2013, que instituiu as Diretrizes Curriculares Nacionais para o curso de graduação em Jornalismo — bacharelado.

Outros diferenciais
  • O curso conta com um Centro Experimental de Jornalismo (CEJor) para práticas jornalísticas dos alunos em quatro espaços: Agência de Jornalismo (AJ); Agência de Comunicação Corporativa (Comcorp); Laboratório de Formatos Híbridos em Jornalismo (LabFor); e Projeto de Jornalismo Empreendedor (EmpreendaJor). São atividades opcionais, mas há forte incentivo para que todos os alunos participem. O CEJor mantém 15 professores para orientação nos diversos espaços e produções.

    Na Agência de Jornalismo são produzidos: programa de entrevista em vídeo “Linkados na Área”; oficina de fotojornalismo; jornalismo hiperlocal; reportagens de rádio e para o programa da CBN “Universidade no Ar”, reportagens de vídeo e para a TV Futura; notícias para o Portal de Jornalismo ESPM; notícias para redes sociais; matérias para o Blog de Olho na Carreira (mercado/carreiras); e a Revista Plural (impressa e on-line). Toda a produção é veiculada no Portal de Jornalismo ESPM-SP: jornalismosp.espm.br

    Na Agência de Comunicação Corporativa, os alunos prestam serviço gratuito de planejamento de comunicação para clientes reais, prioritariamente startups. No Laboratório de Formatos Híbridos em Jornalismo, os alunos desenvolvem produções diversas, como reportagem big data e reportagem multimídia com uso de recursos transmídia. No EmpreendaJor, os alunos recebem orientações para desenvolver projetos jornalísticos no que diz respeito a produção de conteúdo e planejamento do negócio.

  • Revista Plural: elaborada por estudantes, com orientação docente.
  • Cursos de extensão gratuitos com importantes nomes do mercado nas áreas de jornalismo de moda, jornalismo esportivo, jornalismo de revista e jornalismo internacional, entre outros.
  • Infraestrutura de excelência, similar à das principais emissoras e produtoras do País. O estudante conta com estúdios de TV, rádio, redação, fotografia analógica e digital, além de um sistema de convergência de som e imagem.

Dados gerais

Número de vestibulares 2 por ano
Total de vagas 50 por semestre
Número de turmas 1 por semestre
Número máximo por turma 60 estudantes*
Turnos de funcionamento 1.º ao 4.º semestre — matutino
5.º ao 8.º semestre — noturno

*As disciplinas práticas têm o número de alunos adequado à dinâmica da aula.

Grade

Disciplina Créditos
Apuração e Texto Jornalístico I 4
Introdução ao Jornalismo 4
Linguagem (Língua Portuguesa) 4
Economia 4
História do Jornalismo 4
Estatística 4
Sociologia 4
Fotografia 2
Disciplina Créditos
Apuração e Texto Jornalístico II 4
Produção Jornalística e Edição em Rádio I 4
Fotojornalismo 4
Cibercultura 4
Teorias da Comunicação 4
Projeto Gráfico 4
História do Brasil Contemporâneo 4
Filosofia 2
Disciplina Créditos
Produção Jornalística em Mídia Impressa 4
Produção Jornalística e Edição em Rádio II 4
Produção Jornalística e Edição em TV I 4
Teorias do Jornalismo 4
Geoeconomia Internacional 4
Marketing I 4
Antropologia 4
Infográficos 2
Disciplina Créditos
Grande Reportagem 4
Produção Audiovisual para Internet 4
Produção Jornalística e Edição em TV II 4
Perspectiva Crítica da Notícia 4
Assessoria de Imprensa 4
Ciência Política 4
Marketing II/td> 4
Pesquisa Quantitativa e Qualitativa 2
Disciplina Créditos
Documentário em Vídeo 4
Produção e Edição de Conteúdo Multiplataforma 4
Comunicação Corporativa 4
Narrativas de Análise e Opinião 2
Jornalismo de Dados 2
Legislação em Jornalismo 2
Comunicação e Responsabilidade Socioambiental 2
Disciplina Créditos
Jornalismo Internacional 4
Estudos Aplicados de Conteúdo On-line 4
Finanças de Mercado 4
Empreendedorismo e Gestão em Negócios de Mídia 4
Comunicação e Instituições Públicas 2
Ciência e Pesquisa 2
Disciplina Créditos
PGJ I 4
Planejamento em Comunicação 4
Seminários Avançados 4
Cenários Midiáticos Locais e Regionais 2
Gerenciamento de Crise e Reputação 2
Ética no Jornalismo 2
Direitos Humanos e Jornalísticos 2
Disciplina Créditos
PGJ II 16

Cursos

Comunicação Social com Habilitação em Publicidade e Propaganda

MERCADO DE TRABALHO E PROFISSÃO

É inegável a importância da comunicação na vida contemporânea. TVs, celulares, embalagens, websites e até baladas são formas de ligar pessoas a marcas e empresas. Trata-se de um vasto campo de trabalho, que abrange empresas, agências de comunicação, veículos de comunicação e fornecedores especializados. A empregabilidade acompanha o crescimento desse mercado, cujos investimentos totalizaram R$ 118 bilhões em 2015 (Fonte: Monitor Evolution).

Essa expansão e sofisticação das formas de comunicação explicam que, se no passado, ser publicitário significava um direcionamento exclusivo para o trabalho em agências de propaganda, hoje, o profissional de comunicação dispõe de um amplo e extenso leque de possibilidades de trabalho no mercado nacional e também no internacional. O curso de Comunicação Social com habilitação em Publicidade e Propaganda da ESPM busca a formação de profissionais para atuar com destaque nas principais áreas do setor — marketing e comunicação com o mercado. As palavras-chave para entender esse posicionamento são multidisciplinaridade, internacionalidade, gestão e empreendedorismo pessoal.

Dessa forma, por acreditar nessa característica multidisciplinar, a ESPM desenvolve a qualificação profissional do publicitário por meio de conhecimentos, habilidades e atitudes que favoreçam sua atuação em empresas de diferentes perfis ao longo de sua carreira: em agências de comunicação (propaganda, promoção de vendas, incentivos, merchandising, comunicação digital, marketing de relacionamento e comunicação integrada); nas áreas de marketing e trade marketing de empresas; em veículos de comunicação (por exemplo, nas áreas de comunicação interna e marketing publicitário — que tratam do relacionamento de agências de propaganda e de anunciantes); e nos denominados fornecedores especializados (informações e conteúdos, institutos de pesquisa, produtoras de vídeo/áudio/área digital, promoção de eventos, consultorias de projetos culturais e esportivos, entre outros).

E os resultados falam por si: historicamente, cerca de 90% dos formandos já saem da ESPM atuando no mercado*.

(*) Segundo pesquisas internas com egressos da ESPM, realizadas periodicamente pelo Cintegra-SP.

CURSO

A origem da ESPM está intimamente ligada ao mercado e à comunicação: em 1951, importantes publicitários criaram o primeiro curso de propaganda do Brasil. A oportunidade de qualificar essa atividade exigiu que o curso sempre se antecipasse a tendências e inovações, como nos anos 1970, quando se consolidou ao ser a primeira Escola a introduzir o marketing em sua formação básica. Da mesma forma como, hoje, o dinamismo da comunicação e as constantes transformações tecnológicas e comportamentais ampliam as áreas de trabalho, devidamente incorporados nos conhecimentos teóricos e práticos que o curso oferece a seus estudantes, com base no que há de mais relevante nos cenários nacional e internacional. Assim, a ESPM preserva seu compromisso de entregar ao mercado jovens profissionais altamente competentes e competitivos, o que pode ser sintetizado da seguinte forma:

Papel do estudante

A proposta do curso de Comunicação Social com habilitação em Publicidade e Propaganda da ESPM pressupõe o estímulo à autonomia e à responsabilização do estudante frente à sua formação. De forma prática, além dos conhecimentos que compõem a matriz curricular, o estudante será convocado a fazer escolhas – tais como sobre o conjunto de disciplinas eletivas, trilhas de especialização e diversificada oferta de atividades extracurriculares –, que possibilitam o desenvolvimento de competências que, por sua vez, ampliam a inserção do mercado profissional do egresso.

Conjunto de conhecimentos

Ao estudante que opta pelo curso de Comunicação Social com habilitação em Publicidade e Propaganda é oferecido um repertório de conhecimentos relevante e compatível com a alta expectativa que o mercado empregador possui e que, por sua vez, oferece inúmeras possibilidades de atuação profissional. As bases são estabelecidas no forte conhecimento de mercado, no sólido embasamento em comunicação mercadológica e no profundo estudo humanístico, o que pode ser compreendido, também, pelos seguintes aspectos:

  • Estudo e desenvolvimento de projetos de marketing, comunicação mercadológica, pesquisas de mercado, trade marketing, planejamento estratégico, criação publicitária, mídia e produção;
  • Prática das diferentes manifestações do composto de comunicação, tais como propaganda, promoção de vendas, merchandising, comunicação digital, mídias sociais, marketing de relacionamento, eventos, projetos culturais e esportivos, entre outros;
  • Estudos relacionados a psicologia, antropologia, sociologia, ética, sustentabilidade e teoria social — estes permitirão articulações de questões comportamentais e de análises socioculturais relacionadas ao consumo e ao processo de escolha de marcas, bens e serviços.

Dessa forma, esse conjunto de focos possibilita a experiência e a formação multidisciplinar, características fundamentais no ambiente competitivo atual e para a empregabilidade futura. E, com igual importância, prepara profissionais e cidadãos conscientes, críticos e éticos, capazes de empreender transformações positivas nos ambientes em que estiver inserido.

Cabe ressaltar que a adoção de metodologias de aprendizagem ativa garante esse processo, com base no conjunto de disciplinas e atividades do curso, estabelecendo estratégias específicas que favorecem a emergência do protagonismo do estudante frente à construção do conhecimento, da prática e da experiência.

Estrutura do curso
Dias e horários
  • Do 1.º ao 4.º semestres o curso é diurno (das 7h20 às 12h50), sendo que, em um dia da semana, aulas de caráter mais experimental e laboratorial serão oferecidas e comporão a matriz curricular no período da tarde (a partir de 14h);
  • A partir do 5.º semestre, as aulas passam a ser noturnas (das 19h30 às 22h50);
  • As aulas e atividades regulares acontecem durante os dias de semana. Sábados são considerados dias letivos, quando algumas atividades podem eventualmente acontecer.
Conjunto de conhecimentos
  • Do 1.º ao 4.º semestres o estudante tem contato, por meio de disciplinas, com bases e fundamentos da comunicação, das relações de mercado e do pensamento humanístico.
  • A partir do 5.º semestre as aulas são orientadas para as principais tendências de marketing e de comunicação, enfatizando as práticas de mercado e possibilitando que o estudante exerça sua autonomia ao escolher uma trilha de disciplinas relacionadas a áreas de seu interesse — Planejamento de Comunicação, Criação ou Marketing — e um grupo de disciplinas eletivas do próprio curso, assim como de outros da ESPM.
Espaços de escolhas e de autonomia do estudante
Trilhas

O curso de Comunicação Social com habilitação em Publicidade e Propaganda da ESPM é o único no Brasil que oferece um modelo de escolha por áreas de especialização no transcorrer do percurso acadêmico, permitindo ao estudante ingressar com maior precisão no mercado de trabalho. As seguintes trilhas fazem parte da matriz curricular do período noturno, a partir do 5.º semestre, as quais contam com parcerias importantes com empresas e entidades representativas de mercado:

  • Práticas de Comunicação: o que há de mais atual no pensamento e nas práticas diferenciadas das principais arenas do mercado (esporte, entretenimento, cultura, tecnologia, por exemplo) e áreas de comunicação (como propaganda, comunicação digital, games, marketing de relacionamento, promoção de vendas, eventos, merchandising, estratégias corporativas e comunicação dirigida). O que inclui muito pensamento estratégico e comportamental.
  • Criação:o processo de criação publicitária parte do exercício pragmático da direção de arte e da redação, mas deve, necessariamente, estar aberto às principais possibilidades de linguagens no universo da propaganda e de todas as demais áreas da comunicação.
  • Marketing:a gestão de marcas, por meio da criação e do desenvolvimento de produtos ou serviços, é um dos grandes diferenciais das empresas competitivas. Aqui, temas como segmentação, gestão de portfólio de empresas, análises financeiras e estratégias mercadológicas tornam-se diferenciais importantes para o estudante que se interesse pelo amplo espectro do gerenciamento de empresas, produtos e marcas.
Disciplinas eletivas

Ser protagonista de sua formação inclui perceber que, além dos conhecimentos que compõem o curso, há outros que aderem ao interesse, à curiosidade e à oportuna experimentação do estudante. Muitas vezes, essa descoberta recai em áreas que não fazem parte do curso de Comunicação Social com habilitação em Publicidade e Propaganda. Dessa forma, compõe a matriz curricular do estudante (a partir do 5.º semestre) um espaço para que ele opte por até duas disciplinas a cada semestre, disciplinas estas que fazem parte de um pacote de conhecimentos oriundos de todos os cursos da ESPM. Além de se estabelecer como um estímulo a mais para o estudante, favorece a ampliação de sua percepção profissional e o amadurecimento de suas escolhas. Nesse sentido, os cursos da ESPM promoverão a atualização constante da oferta das disciplinas eletivas, contemplando novas demandas de mercado e temáticas específicas. Em termos de currículo, o estudante deverá cursar seis disciplinas eletivas durante o curso, entre o 5.º e o 8.º semestres.

Projeto de Graduação ESPM (PGE)

No 7.º e no 8.º semestres, o conjunto de conhecimentos, de habilidades e de atitudes desenvolvido ao longo do curso tem um espaço privilegiado para ser materializado: o projeto de conclusão de curso, denominado Projeto de Graduação ESPM (PGE). Nesse momento, mais uma vez, o estudante será convocado a exercer sua autonomia para a escolha de uma das modalidades em que o PGE pode ser configurado: Monográfico, Empreendedor, Projeto de Marketing, Projeto de Comunicação Integrada ou Projeto de Criação. Algumas destas modalidades requerem avaliação de pré-projeto para aprovação. O PGE é realizado em sistema de grupos — menos a modalidade Monográfico — e conta com o direcionamento dedicado de orientadores que compõem a expressão máxima da experiência didática e profissional do quadro de professores da ESPM.

Atividades complementares e espaços de experimentação

Durante o curso, o estudante é convidado a realizar diversas atividades complementares para ampliar sua formação e o desenvolvimento de suas competências. Oferecidas pela própria ESPM, algumas são realizadas em conjunto com os estudantes de nossos cursos das unidades do Rio de Janeiro e do Sul e também com nossas parcerias nacionais e internacionais. São elas:

  • Oficinas ESPM:cerca de trinta modalidades diferentes a cada semestre;
  • Arenas ESPM:agência experimental de comunicação, na qual o estudante pode desenvolver projetos reais com a tutoria de professores e profissionais com atuação no mercado publicitário;
  • ESPM Jr.:consultoria a empresas de mercado, em diferentes áreas de trabalho, com suporte da estrutura da faculdade;
  • ESPM Social:ligada às questões de responsabilidade socioambiental e sustentabilidade, oferece treinamento aos estudantes por meio de projetos desenvolvidos para ONGs, institutos e fundações;
  • Projetos especiais:o estudante pode participar de eventos, como o Festival Nacional de Campanhas, a Maratona de Criação ESPM, o Desafio de Mídia, o Desafio de Planejamento de Comunicação e o Projeto Blind-test;
  • Intercâmbios:a ESPM estabelece vínculos com cerca de 27 universidades de diferentes países para a disponibilização de diversas modalidades de intercâmbios, de curta e longa duração, proporcionando ao estudante valiosas experiências internacionais em sua formação;
  • Cátedras ESPM:atividades de curta duração que discutem temas relevantes e contemporâneos derivados de outros cursos da ESPM e do mercado de trabalho, estimulando, assim, a interdisciplinaridade e maior sofisticação do conhecimento;
  • Núcleo de Imagem e de Som (NIS):estúdios e um sofisticado sistema de convergência digital de som e imagem, nos mesmos moldes daqueles utilizados pelas principais emissoras e produtoras de vídeo. Algumas atividades, como o Coach de Roteiros para Web-Séries, exclusivas para estudantes de Publicidade e Propaganda, possibilitam instrumentalizar práticas contemporâneas para sua capacitação;
  • Retail Lab:loja-laboratório exclusiva para estudo das práticas de varejo;
  • Game Lab:espaço de estudo e de construção de projetos experimentais do universo dos jogos;
  • Media Lab:um centro de produção de projetos estratégicos voltados ao ambiente midiático digital, em parceria com importantes empresas de mercado;
  • Incubadora de Negócios:um fundamental suporte estrutural para projetos empreendedores dos estudantes a partir de seu projeto de conclusão de curso.

Dados gerais

Número de vestibulares 2 por ano
Total de vagas 250 por semestre
Número de turmas 5 por semestre
Número máximo por turma 60 estudantes*
Turnos de funcionamento 1.º ao 4.º semestre - diurno, com uma tarde por semana
5.º ao 8.º semestre - noturno

*As disciplinas práticas têm o número de alunos adequado à dinâmica da aula.

Matriz Curricular

Disciplina Créditos Tipo de disciplina
Fundamentos da Comunicação 4 TRONCO
Pensamento e Comportamento I (Lógica e Filosofia) 4 TRONCO
Linguagem e Comunicação 4 TRONCO
Mercados de Comunicação 4 TRONCO
Fundamentos de Economia (Semipresencial) 4 TRONCO
Marketing I (Fundamentos do MKT) 4 TRONCO
Projeto Integrado I: Linguagens da Arte, Cultura e Entretenimento 4 PROJETO
Disciplina Créditos Tipo de disciplina
Cenas Midiáticas 4 TRONCO
Pensamento e Comportamento II (Antropologia) 4 TRONCO
Criação I 4 TRONCO
Composto de Comunicação 4 TRONCO
Estatística 4 TRONCO
Marketing II (Composto de Marketing) 6 TRONCO
Projeto Integrado II: Criação, Fotografia e Produção 4 PROJETO
Disciplina Créditos Tipo de disciplina
Semiótica Aplicada à Comunicação 4 TRONCO
Pensamento e Comportamento III (Sociologia) 4 TRONCO
Criação II 4 TRONCO
Mídias 6 TRONCO
Marketing III (Marketing Estratégico) 4 TRONCO
Etnografia Urbana (Pesquisa, Antropologia e Marketing) 4 TRONCO
Projeto Integrado III: Produção Audiovisual 4 PROJETO
Disciplina Créditos Tipo de disciplina
Plataformas Digitais 4 TRONCO
Planejamento de Comunicação 4 TRONCO
Pensamento e Comportamento IV (Psicologia do Consumo) 4 TRONCO
Finanças I 4 TRONCO
Branding 4 TRONCO
Ética, Legislação e Sustentabilidade 4 TRONCO
Projeto Integrado IV: Plano de Marketing 4 PROJETO
Disciplina Créditos Tipo de disciplina
Prospecção em Comunicação (Mídia e Negociação) 2 TRONCO
Estratégias de Comunicação Empresarial 2 TRONCO
Finanças II 4 TRONCO
Negócios no Ambiente Digital 4 TRONCO
Eletiva I 2 ELETIVA
Eletiva II 2 ELETIVA
Estratégias de Ativação I (Marketing de Relacionamento) 4 TRILHA PLANEJAMENTO DE COMUNICAÇÃO
Marketing de Serviços 4 TRILHA MARKETING
Criação III (módulo avançado) 4 TRILHA CRIAÇÃO
Disciplina Créditos Tipo de disciplina
Comunicação e Práticas do Consumo 2 TRONCO
Desenvolvimento e Gestão de Negócios 4 TRONCO
Trade Marketing 4 TRONCO
PGE I (Metodologia, Modelos e Definição de Projetos) 2 PROJETO
Eletiva III 2 ELETIVA
Eletiva IV 2 ELETIVA
Estratégias de Ativação II (Promoção, Merchandising e Eventos) 4 TRILHA PLANEJAMENTO DE COMUNICAÇÃO
Marketing B2B 2 TRILHA MARKETING
Métricas em Marketing 2 TRILHA MARKETING
Plataformas Integradas de Criação 2 TRILHA CRIAÇÃO
Criação de Conceitos (Cultura Pop) 2 TRILHA CRIAÇÃO
Programa de Orientação para Portfólio (POP)   PROJETO DA TRILHA DE CRIAÇÃO
Disciplina Créditos Tipo de disciplina
Projetos Incentivados (Esportes e Cultura) 4 TRONCO
Arquitetura e Métricas de Comunicação 4 TRONCO
Tendências de Mercado (Coolhunting) 4 TRONCO
PGE II 2 PROJETO
Eletiva V 2 ELETIVA
Eletiva VI 2 ELETIVA
Estratégias de Ativação III (Mobile, Mídias Sociais e Digital) 2 TRILHA PLANEJAMENTO DE COMUNICAÇÃO
Business Intelligence 2 TRILHA MARKETING
Criação para Novos Formatos 2 TRILHA CRIAÇÃO
Programa de Orientação para Portfólio (POP)   PROJETO DA TRILHA DE CRIAÇÃO
Disciplina Créditos Tipo de disciplina
PGE III 10 PROJETO

Cursos

Relações Internacionais

MERCADO DE TRABALHO

Desde a abertura comercial brasileira, na década de 1990, o País tem ampliado sua presença em mercados internacionais. Essa presença ocorre não somente pela atuação do governo, mas sobretudo por conta da internacionalização de empresas e pela participação nos circuitos mundiais de produção.

A partir desse cenário, as corporações têm crescentemente demandado profissionais para atuar nas áreas comerciais, administrativas e de negócios em diferentes frentes. Entre elas, destacam-se: a elaboração e implementação de estratégias de negócios e marketing em ambiente nacional e internacional; a negociação de acordos internacionais; a avaliação econômico-financeira e as relações jurídicas internacionais; a análise e gestão de finanças de mercado e a relação com investidores; a gestão de marcas internacionais e o planejamento de comunicação dentro de um ambiente globalizado; a análise e a proposição de estratégias corporativas que envolvam atores públicos e privados; entre outras.

PROFISSIONAL

O profissional de Relações Internacionais é aquele que trabalha com os mercados nacional e internacional, analisando diferentes atores, tais como Estados, ONGs, organizações internacionais e corporações/empresas.

Entre as várias áreas de atuação, destaca-se aquela relacionada ao mundo corporativo, foco do curso da ESPM. A atuação desse profissional, o diplomata corporativo, engloba atividades e responsabilidades que partem da compreensão das dinâmicas nacionais e internacionais, que afetam as decisões e as estratégias das corporações e de seus respectivos grupos econômicos. Além das habilidades tradicionalmente exigidas dos profissionais de relações internacionais, o diplomata corporativo deve dominar os conhecimentos que impactam o mundo dos negócios, como: administração, gestão de marketing e comunicação, gestão multicultural, finanças, métricas e modelagens de negócios (cálculo, estatística, contabilidade, avaliação de operações financeiras internacionais e finanças corporativas internacionais), comércio internacional, estratégia empresarial e negociações envolvendo os setores público e privado, além da própria diplomacia corporativa e análise de risco internacional.

CURSO

O curso de graduação em Relações Internacionais da ESPM foi estruturado de forma que o estudante se especialize na área de Relações Internacionais, sem perder a formação clássica.

Além das disciplinas clássicas, acrescenta ao estudante uma vasta formação em marketing internacional, finanças, métricas e modelagens de negócios, country studies – eixo no qual a formação do estudante será orientada ao estudo de geografia dos negócios internacionais: Américas, Europa, África e Oriente Médio, Ásia e Oceania. Incluem-se disciplinas regulares, que são ministradas no idioma inglês.

O curso apresenta, ainda, duas opções de especialização (minors): Relações Governamentais e Institucionais e Mercado de Capitais e Relações com Investidores.

Para alcançar a formação de um profissional adequado às demandas mais exigentes do mercado mundial, o curso apresenta grande parte das disciplinas da matriz curricular ministradas em inglês. Também é oferecida aos estudantes a possibilidade de envolvimento em diversas atividades extracurriculares, entre as quais destacam-se:

  • Global Jr.: empresa júnior focada em estudos voltados para a internacionalização de empresas e estudos de cadeias globais de valor;
  • Laboratório Risk Analysis and International Affairs: elabora análises sobre conjuntura e identifica fatores que norteiam as tendências internacionais a partir do mapeamento de riscos globais nos âmbitos políticos, econômicos, regulatórios e sociais que afetam as decisões de negócios nacionais e internacionais;
  • Núcleo de Estudos e Negócios Asiáticos: voltado para pesquisas e debates multidisciplinares sobre a Ásia;
  • Núcleo de Diplomacia Corporativa: orientado para pesquisas sobre as dimensões da diplomacia corporativa;
  • Observatório de Multinacionais da ESPM: realiza pesquisas e trabalhos relacionados à internacionalização de empresas brasileiras;
  • Programa de Iniciação Científica (PIC): com bolsas da própria ESPM, os estudantes são estimulados a realizar pesquisas;
  • Trabalho de Convergência Multidisciplinar (TCM): realizado em grupo e que envolve todas as disciplinas do 1.º ao 4.º semestres.

Há também a possibilidade de o estudante obter uma dupla certificação. A ESPM possui parcerias com a Universidad Nebrija (Madri, Espanha) e com a IÉSEG (Paris, França), que permitem ao estudante de Relações Internacionais conseguir o diploma brasileiro e um certificado internacional. Vale ressaltar que intercâmbios de menor duração, com instituições internacionais ao redor do mundo com as quais a ESPM mantém convênio, estão à disposição dos estudantes interessados em viver essa experiência e se tornar um profissional diferenciado no mercado.

A ESPM conta ainda com um departamento próprio, denominado Cintegra, cujo objetivo é buscar e divulgar vagas de estágios a partir da interação com empresas, além de organizar visitas empresariais. Da mesma forma, a AIESEC complementa esse quadro divulgando possibilidades de estágio em âmbito internacional.

Dados gerais

Número de vestibulares 2 por ano
Total de vagas 150 — 1.º semestre
50 — 2.º semestre
Número de turmas 3 — 1.º semestre
1 — 2.º semestre
Número máximo por turma 60 estudantes*
Turnos de funcionamento 1.º ao 4.º semestre — diurno
5.º ao 8.º semestre — noturno

*As disciplinas práticas têm o número de alunos adequado à dinâmica da aula.

Grade

8
Disciplina Créditos
Introdução às Relações Internacionais 4
Geografia dos Negócios Internacionais 2
História das Relações Internacionais Modernas 2
Fundamentos de Marketing 4
Filosofia Política Moderna 4
Sociologia das Relações Internacionais 4
Country Studies 1 - Américas 2
Introdução à Economia 4
Inglês I 4
Espanhol I 4
Argumentação e Linguagem I 2
Introdução a Métodos e Técnicas de Pesquisa 2
Disciplina Créditos
Teoria das Relações Internacionais 4
História das Relações Internacionais Contemporâneas 2
Marketing Mix 4
Ciência Política 4
Country Studies 2 - Europa 2
Cálculo Diferencial e Integral 4
Macroeconomia 4
Fundamentos de Direito Internacional 4
Inglês II 4
Espanhol II 4
Argumentação e Linguagem II 2
Disciplina Créditos
Organizações Internacionais 4
Política Externa Brasileira 4
Metodologias de Análise Mercadológica 4
Sistemas Político e Econômico Brasileiros 2
Diplomacia Corporativa 2
Country Studies 3 – África e Oriente Médio 2
Estatística 4
Microeconomia 4
Direito do Comércio Internacional 4
Disciplina Créditos
Geopolítica 4
Análise do Processo Decisório 2
Logística Internacional 2
Planejamento Estratégico de Marketing Internacional 4
Country Studies 4 - Ásia e Oceania 2
Contabilidade Empresarial 4
Comércio Internacional 4
Economia Política Internacional 4
Direito dos Negócios Internacionais 4
Disciplina Créditos
Gestão Estratégica de Serviços 2
Internacionalização de Empresas 4
Avaliações de Operações Financeiras Internacionais 4
Economia Brasileira 4
Política Internacional 4
Disciplina Créditos
Gestão de Marcas e Comunicação 2
Negociações Internacionais 2
Finanças Corporativas Internacionais 4
Elaboração de Projetos 2
Módulo Eletivo I 4
Disciplina Créditos
Análise de Risco em Negócios Internacionais 2
Gestão Multicultural 2
PGI 1 4
Módulo Eletivo II 4
Disciplina Créditos
Cenários 4
Questões Estratégicas Contemporâneas 4
PGI 2 4

Cursos

TECH

MERCADO DE TRABALHO

Com o desenvolvimento brasileiro, as atividades ligadas à tecnologia têm crescido muito, e o mercado está sempre em busca de profissionais com formação superior nessa área. De telefonia móvel ao mercado de games, passando por startups e multinacionais ligadas à informática, as vagas e possibilidades de crescimento profissional são inúmeras.

Mesmo com tantas possibilidades de boa empregabilidade, o setor sofre com a carência de profissionais qualificados. Para atender às expectativas dos setores público e privado, a ESPM desenvolveu o curso de TECH, a fim de formar profissionais com ampla e profunda visão de negócios, além do conhecimento técnico específico de sistemas de informação, alinhados às tendências globais de Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs) aplicadas à economia criativa.

Até em períodos de crise econômica, como a que estamos atravessando, o setor de tecnologia mostra o seu vigor e, contra todos os índices nacionais que apresentam queda, o TIC cresce perto de dois dígitos ao ano. Seja porque em alguns setores a mão de obra é substituída por sistemas computadorizados ou porque os consumidores buscam em aplicativos opções melhores de compra, o fato é que as empresas buscam alternativas criativas e que, geralmente, envolvem tecnologia para conhecer melhor seus consumidores, reduzir custos de produção, prever com mais exatidão volumes de compras e oferecer melhores ofertas aos seus consumidores em todas as plataformas, tradicionais e digitais, mas, em especial, nesta última.

PROFISSIONAL

Esse curso é compatível com o perfil de muitos jovens. Pessoas com alta afinidade tecnológica, confiantes, curiosas e flexíveis. Mas, para se tornar um bom profissional, é preciso mais do que gostar de informática, pois estudar a teoria dos sistemas de informação é apenas uma das funções desse profissional.

Com as habilidades técnicas, o estudante vai aprender desenvolvimento de sistemas, gerenciamento de dados e muito mais. E, para se tornar gestor, o estudante também estuda empreendedorismo, pensamento estratégico e economia criativa. O futuro profissional tem, portanto, uma visão global dos sistemas de informação como um negócio.

Este curso forma Analistas de Sistemas, mas com visão de negócios e capacidade de entender necessidades de gestão e do universo da comunicação. Ele pode trabalhar em agências de conteúdo digital, em empresas de desenvolvimento de soluções tecnológicas (apps e sistemas web, por exemplo), em empresas de desenvolvimento de jogos (eletrônicos, mobile, board ou card games) e nos mais diversos setores da indústria, em áreas como inteligência de negócios, Data Science, marketing e comunicação, sempre acrescentando as soluções tecnológicas às necessidades empresariais.

Na ESPM, os formandos em TECH estarão preparados para serem Desenvolvedores de Soluções Digitais de Negócios e preparam o caminho para se tornarem, no futuro, CMTOs (Chief Marketing Technologist Officer) de empresas de todos os tamanhos ou para empreenderem no mundo das startups digitais, tornando-se assim empreendedores digitais.

CURSO

A estrutura do curso de Sistemas de Informação em Comunicação e Gestão da ESPM é inovadora. Para acompanhar o dinamismo do universo tecnológico e da informação, sua grade é flexível, com matérias interdisciplinares, novas disciplinas e foco em aulas práticas.

Os conhecimentos principais abordados no curso combinam sistemas de informação, marketing, ambiente de negócios e empreendedorismo. Entre as habilidades técnicas, o estudante aprende: programação de alto nível; análises de sistemas; segurança; raciocínio quantitativo; gestão de projetos; desenvolvimento de web e mobile, de games e de conteúdo digital. E ainda recebe aulas de habilidades gerenciais, como: tomada de decisões, gerenciamento de recursos, pensamento estratégico e gestão de equipes.

Do 1.º ao 4.º semestre, o curso é diurno. Nessa fase, o estudante cursa uma carga horária maior de disciplinas, focadas na sua formação em Sistemas de Informação.

A partir do 5.º semestre, as aulas passam a ser noturnas, orientadas para as principais tendências do mercado. É nessa fase do curso que o estudante define uma área de seu interesse para a formação complementar à grade de disciplinas, como uma forma de especialização. Terá, então, três caminhos para escolher:

  • Gestão de games: atendendo à necessidade de mão de obra especializada para o setor de jogos eletrônicos no País, o curso oferecerá ao estudante o desenvolvimento de habilidades técnicas no planejamento, criação, desenvolvimento, implantação e gerenciamento de games para consoles ou outras plataformas, em especial, as móveis, com o foco em social games, permitindo assim que o estudante que escolher essa trilha atue em desenvolvedores de games, em agências de comunicação e em tudo o que o rodeia.
  • Desenvolvimento de aplicativos web e mobile: levando em consideração o contexto do mercado atual – tanto no cenário nacional quanto no internacional – com a aceleração da adoção de plataformas móveis e aparelhos vestíveis, a demanda pelo desenvolvimento de aplicativos e soluções e as necessidades da economia criativa e das novas gerações de consumidores conectados, o curso oferecerá ao estudante o desenvolvimento de um conjunto de habilidades técnicas. Essas habilidades envolverão a compreensão de oportunidades de negócio digital, no âmbito do comércio eletrônico, da comunicação e do entretenimento digital, desenvolvimento, da análise e produção de aplicativos especificamente adaptados às plataformas web e mobile, com utilização consciente e eficaz dos recursos da computação na nuvem, em diversas plataformas de programação e publicação, de maneira que o profissional formado em nosso curso tenha sempre a capacidade de atuar com a mesma eficiência em qualquer plataforma que exista ou venha a ser desenvolvida.
  • Digital business intelligence: todo o movimento digital que está acontecendo atualmente produz uma vastidão de dados, na maioria das vezes, não estruturados, que precisam ser analisados para que as informações relevantes possam ser extraídas e, assim, gerar valor ao negócio das empresas, principalmente na tomada de decisão gerencial. Nesse sentido, essa trilha oferece ao estudante o desenvolvimento de habilidades técnicas, como: análise de dados não estruturados, data mining, ferramentas de análise e manipulação de grandes volumes de dados sob múltiplas perspectivas (OLAP), digital business analytics e georreferenciamento de dados e tomada de decisão no gerenciamento do relacionamento com consumidores. Essa linha oferece a única disciplina de Computação Cognitiva para graduação do País, oferecida em conjunto com a IBM.

O rol de disciplinas eletivas oferecidas poderá ser alterado ao longo do curso, de forma a manter a atualidade e a relevância do curso, sempre dentro das linhas apresentadas.

Diferenciais

A ESPM usa a metodologia ativa de aprendizado, na qual o estudante é estimulado a colocar em prática os conteúdos aprendidos. Nesse curso, até 75% das aulas são ministradas em laboratórios Scale-Up®. Esse ambiente estimula o aprendizado colaborativo e ativo do estudante, com atividades que geram interesse por serem desafiadoras e ágeis, ou seja, que combinam com jovens. Essa metodologia é exclusiva da ESPM no Brasil, sendo já utilizada em grandes universidades reconhecidas internacionalmente.

O curso é constantemente atualizado com as demandas do mercado, graças à integração com as maiores empresas de tecnologia do País, por meio de parcerias acadêmicas que proporcionam aos estudantes, além do acesso gratuito a inúmeros softwares de última geração, a possibilidade de interação direta com profissionais das áreas de desenvolvimento e negócios, seja em visitas técnicas a essas empresas, seja em palestras ou desafios acadêmicos realizados em conjunto, em disciplinas oferecidas em parcerias com as empresas ou até mesmo participando de sessões exclusivas de conversas com altos executivos.

Outros diferenciais

  • Carga horária do curso 24% superior ao exigido pelo MEC;
  • 80% de aulas práticas, em laboratórios no padrão internacional
    Scale-Up®;
  • 18% do curso com disciplinas eletivas, o que permite a personalização da experiência acadêmica;
  • Projetos interdisciplinares obrigatórios, nos quatro primeiros semestres do curso, que colocam em prática, desde o primeiro semestre, todo o conhecimento adquirido.;
  • Processo de mentoring focado na escolha das disciplinas eletivas mais adequadas ao perfil de cada estudante;
  • Infraestrutura tecnológica única no País, o que possibilita aos estudantes vivenciar o real ambiente que encontrarão no mercado de trabalho.

Dados gerais

Número de vestibulares 2 por ano
Número de turmas Número de turmas 2 anuais
Número máximo por turma 60 estudantes*
Turnos de funcionamento 1.º ao 4.º semestre - diurno
5.º ao 8.º semestre - noturno

*As disciplinas práticas têm o número de alunos adequado à dinâmica da aula.

Matriz curricular

Observação: As disciplinas eletivas poderão ser selecionadas entre um conjunto de disciplinas oferecidas em três diferentes áreas: Gerenciamento de Games; Desenvolvimento de Aplicativos Web e Mobile; e Digital Business Intelligence.
Disciplina Créditos
Fundamentos de Sistemas de Informação 4
Ambiente de Produção I 4
Lógica Computacional 4
Introdução à Programação 6
Banco de Dados I 6
Ambiente Empresarial I 4
Projeto Interdisciplinar 2
Disciplina Créditos
Ambiente de Produção II 6
Programação I 4
Banco de Dados II 4
Raciocínio Quantitativo I 4
Raciocínio Qualitativo 4
Ambiente Empresarial II 4
Design Multimedia I 4
Projeto Interdisciplinar 2
Disciplina Créditos
Sistemas Integrados 4
Programação II 8
Raciocínio Quantitativo II 6
Ambiente Empresarial III 4
Marketing I 4
Design Multimedia II 4
Projeto Interdisciplinar 2
Disciplina Créditos
Gestão de Tecnologia da Informação 4
Engenharia de Software 4
Gerência de Projetos de Software I 4
Ambiente Empresarial IV 4
Marketing II 6
Design Multimedia III 6
Projeto Interdisciplinar 2
Disciplina Créditos
Gestão de Sistemas de Informação 6
Gerência de Projetos de Software II 6
Eletiva 4
Eletiva 4
Disciplina Créditos
Projeto Empreendedor I 8
Eletiva 4
Eletiva 4
Eletiva 4
Disciplina Créditos
Projeto Empreendedor II 8
PGT I 4
Eletiva 4
Eletiva 4
Disciplina Créditos
PGT II 4
Eletiva 4
Eletiva 8
Eletiva Disciplina Créditos
Gestão de Games Game Engine 4
Gestão de Games Game Design 8
Gestão de Games Programação Multiplataformas 4
Gestão de Games Animação 3D 4
Gestão de Games Análise de Jogos 4
Gestão de Games Game Cultura 4
Gestão de Games Gerência de Projetos em Game Design 8
Desenvolvimento de Aplicativos Web e Mobile Programação Multiplataformas 4
Desenvolvimento de Aplicativos Web e Mobile Produção em RTV 8
Desenvolvimento de Aplicativos Web e Mobile Transmissão, Armazenamento e Gerenciamento Multimídia 4
Desenvolvimento de Aplicativos Web e Mobile Sistemas Operacionais Mobile Devices 4
Desenvolvimento de Aplicativos Web e Mobile Programação Client/Server 8
Desenvolvimento de Aplicativos Web e Mobile Programação Mobile 8
Digital Business Intelligence Bancos de Dados Avançados 8
Digital Business Intelligence Business Intelligence I 8
Digital Business Intelligence Pesquisa de Marketing e Geomarketing 8
Digital Business Intelligence Business Intelligence II 8
Digital Business Intelligence CRM – Customer Relationship Management 4
Digital Business Intelligence Business Intelligence III 8
Digital Business Intelligence Computação Cognitiva – Parceria com a IBM 4